Notícias / Polícia

Polícia investiga cuidadora suspeita de agredir idosa acamada com Alzheimer

Câmera de segurança flagrou agressões; caso foi registrado na Polícia Civil de Araçatuba (SP).

G1 Rio Preto e Araçatuba

Uma mulher de 70 anos está sendo investigada pela Polícia Civil suspeita de agredir uma idosa de 83 anos que é acamada e diagnosticada com Alzheimer, em Araçatuba (SP), nas noites de terça (15) e quarta-feira (16). Uma câmera de segurança instalada no quarto da idosa flagrou o momento em que a mulher, que trabalhava havia cinco anos como cuidadora, agrediu a vítima no rosto. Logo depois, ela cobriu o rosto da idosa com uma coberta e saiu do quarto. A neta da idosa procurou a polícia na manhã de quinta-feira (17) e registrou um boletim de ocorrência. Segundo o registro policial, ela percebeu que a avó estava com algumas lesões no rosto que não foram explicadas pelo médico. Patrícia decidiu então verificar as imagens da câmera de monitoramento que fica no quarto da idosa depois que entrou no quarto em um horário que não era de costume e percebeu que algo estava errado. A Polícia Civil instaurou um inquérito e o caso será investigado. Ninguém foi preso até o momento. A família da idosa espera que a justiça seja feita e não pensa em contratar outra pessoa para cuidar dela neste momento.
 
Nenhum comentário até o momento, seja o primeiro a comentar!
Dê sua opinião

 

 

 

 
 
 
Copyright © 2011 Rádio Osvaldo Cruz - Todos os direitos reservados